RSS feed for Eduardo

Favorite films

Recent activity

All

Recent reviews

More
  • Bacurau

    Bacurau

    É possível ser amigo de Bacurau e inimigo de Bacurau? Creio que o conflito do filme e de sua recepção esteja contido nessa pergunta.

    O sentido político dos últimos dois filmes de Kleber Mendonça precisa ser esclarecido e posto em perspectiva. Ambos os filmes dão a impressão de acabar pela metade: propõem a metade de um percurso, cuja realização completa, no entanto, estava latente em suas premissas.

    Hoje é mais fácil perceber em Aquarius sua insuficiência decorrente do apoio incondicional…

  • A Quiet Place

    A Quiet Place

    Movies are collective dreams. Could we assume that the more popular a movie is, the closer it is to our collective unconscious, the unconscious of a whole civilization?

    As dreams are ideology battles, why then wake up from this one (always at the decisive moment, so we might think about it for a while) at a declaration of war until the very end (without the least possibility of comprising the reason of the monster's action and existence) with a newly…

Popular reviews

More
  • Black God, White Devil

    Black God, White Devil

    ★★★★

    Dois prazeres durante minha revisão deste filme: Relacionar sua estrutura com a de outro filme "clássico" do outro lado do mundo, "Contos da Lua Vaga depois da Chuva". A partir desta comparação, reconhecer suas características particulares. "Nunca fiz nada de acordo com sua vontade. Agora é você quem escolhe. Vamos ter um filho juntos para estreitar nossa união". É o que diz o vaqueiro Manuel à sua mulher, a quem arrastou para suas desventuras após o cancelamento do lar pela…

  • Film Socialisme

    Film Socialisme

    ★★★★★

    (Our Humanities, the geo-mythic-political mediterranean map - or symphonic poem: The big fish eat the smaller ones as the cruise deepens down into human and image history)

    The true image that lies between two images: between intelectual cut and poetic work. Two obscure and lasting Micro-images from its third section: the quote also present in Rossellini's Prise de Pouvoir par Louis XIV ("Nor the Sun nor death can be gazed fixedly") cut together with a variation about Egypt: two silhouettes…