Wesley Pereira de Castro

Wesley Pereira de Castro

"O cinema é uma doença. E o único modo de curar esta doença é vendo mais filmes" (paráfrase capriana) <3

Favorite films

  • Citizen Kane
  • Tropical Malady
  • Memories of Underdevelopment
  • Limite

Recent activity

All
  • Mario Bava: Maestro of the Macabre

    ★★★★

  • Hatchet for the Honeymoon

    ★★★

  • The Girl Who Knew Too Much

    ★★★★½

  • Mortal

    ★★★★

Recent reviews

More
  • Mario Bava: Maestro of the Macabre

    Mario Bava: Maestro of the Macabre

    ★★★★

    Convencional em formato - conforme exige a sua origem televisiva - mas muito rico em conteúdo (entrevistas pertinentes e trechos de filmes muito bem selecionados): apendi muito sobre o diretor, de modo que as virtudes enciclopédicas superam as limitações documentais/telefílmicas. Pode parecer uma cotação exacerbada, mas gostei tanto do que senti aqui, que não me arrependo. Conheci o Mario Bava tardiamente, mas hoje adiro fervorosamente ao côro: ele é genial! (WPC>)

  • Hatchet for the Honeymoon

    Hatchet for the Honeymoon

    Fui com muita sede ao pote, depois de uma minimaratona com maravilhas do autor, e decepcionei-me um pouco com esse titulo: o roteiro é redundante em suas intenções psicanalíticas (satíricas?), de modo que não consegui envolver-me emocionalmente com o mesmo. Mas isso, nalguns aspectos, termina sendo secundário: o apuro visual do filme é acachapante, bem como a montagem e alguns efeitos visuais. Hitchcock ficaria orgulhosíssimo! (WPC>)

Popular reviews

More
  • Waiting for the Carnival

    Waiting for the Carnival

    Dois aspectos incomodaram-me no filme: a celeridade com que o diretor concede a Léo o 'status' de protagonista (incorrendo em alteração da montagem na ordem de eventos, para que ele possa insurgir-se como voz dominante em relação à cidade) e a falta de esclarecimento quanto à origem da matéria-prima do 'jeans' (o que não era interesse do diretor, admitamos). Afora isso, o documentário é brilhante e mui necessário em sua abordagem tonitruante dos efeitos devastadores do trabalho no cotidiano de…

  • 7 Prisoners

    7 Prisoners

    O filme terminou há algum tempo, e eu sigo bastante incomodado (em ambos os sentidos do termo) pelo que o filme me causou: imaginava que fosse um filme sobre fuga. É sobre a colaboração involuntária (?) com o inferno que nos oprime. A interpretação de Christian Malheiros, em nova colaboração com o diretor, é incrível: bastante ambivalente no manuseio da ternura e da extrema agressão, justificada por padrões organizacionais/institucionais, a ponto de humanizar cada vez mais o personagem hediondo de…