Favorite films

Recent activity

All

Recent reviews

More
  • Smiles of a Summer Night

    Smiles of a Summer Night

    ★★★½

    O cômico, em Bergman, infelizmente fica mais no campo da intencionalidade do que no campo da realização. Mas é um filme muito bem planejado, com bons ecos que vão de Shakespeare a Renoir. É, talvez, o mais “otimista” do diretor: o idílio final das classes populares é poeticamente singelo.

    —————

    The comic, in Bergman, unfortunately doesn’t take off from the field of intentionality. But it is a very well planned film, with good echoes ranging from Shakespeare to Renoir. It is, perhaps, the most “optimistic” of the director: the final idyll of the popular classes is poetically simple.

  • Sawdust and Tinsel

    Sawdust and Tinsel

    ★★★★½

    A vergonha e a humilhação, temas caros ao universo bergmaniano, levados aqui até as (quase) últimas consequências. A história dentro da história, do clown Frost e sua esposa Alma, encenada ao modo dos filmes da era silenciosa, é uma aula de cinema. Outro ponto alto é a ênfase recorrente no motivo do espelho, também caro ao cineasta: o momento em que o personagem (Alberti) se contempla ai espelho é o momento do “Juízo Final” de sua alma, o momento em…

Popular reviews

More
  • Sócrates

    Sócrates

    ★★★★

    A câmera sempre às costas do protagonista adolescente, perto dele o tempo todo (há pouquíssimos planos abertos neste filme), evoca algo de Gus Van Sant. Mas aqui o dado social do terceiro mundo fala mais alto. Muito mais alto. Grita. Em tempos de barbárie desavergonhada, é um acalanto este filme independente, humilde e forte, com foco tão próximo em um jovem negro, LGBT e periférico, que é como se o diretor quisesse nos grudar na pele dele, viver o que…

  • Soul

    Soul

    ★★½

    Soul é um filme bonito. As reflexões que promove e a mensagem que defende, no que concerne responsabilidades específicas e exclusivas da vida privada e da intimidade do ser, em uma perspectiva puramente fenomenológica, são belas e pertinentes.

    Mas, ao contrário do que muitas vezes se quer acreditar e fazer acreditar, existe uma vida coletiva, uma dimensão social das coisas. E é neste ponto, nos difíceis encaixes entre o individual e o coletivo, que o filme Soul se perde, como…