Quo vadis, Aida? ★★★★½

Quo Vadis, Aida? deixa para o subconsciente do espectador medir e pontuar a gravidade de cada um dos seus acontecimentos. O consistente roteiro de Žbanić em conjunto à direção permite o público sentir cada uma das emoções que a protagonista não esboça, mas tem, ao final das contas, seus propósitos arrancados de si e sem ter para onde correr.

Leia a crítica em: canaltech.com.br/entretenimento/critica-quo-vadis-aida-183204/